(66) 9.8400-1712

Multas relacionadas a focos de incêndios urbanos já ultrapassam R$ 100 mil em Alta Floresta

A Secretaria de Desenvolvimento através da Direção de Meio Ambiente informou que em menos de 45 dias já emitiram mais de R$ 100 mil em multas relacionadas aos incêndios praticados nas várias áreas urbanas do município de Alta Floresta.


De acordo como informado, a população quase na sua maioria, realizara a limpeza dos lotes dentro dos prazos estipulados, que é de 15 dias, evitando qualquer problema maior na zona urbana. Infelizmente ainda há aqueles que preferem tomar atitudes mais arcaicas como a prática do fogo para diminuir a sujeira dos seus lotes, estes estão diretamente afetando o próprio meio em que vivem.


A multa varia inicialmente de R$ 310,00 até o teto máximo de R$ 3 milhões com a prática de crime ambiental, passível de pena e detenção. A Secretária de Desenvolvimento, Celia Castro informou que em menos de 45 dias já foram identificados vários focos de incêndios no município. “O fogo que tem início nos lotes, quase em sua totalidade se dá pela condição que aquele local apresenta como combustível e propagação de incêndio às áreas vizinhas que também estão sujos com mato alto”, disse.


Os Fiscais possuem toda autonomia para atuar os proprietários dos lotes que pegaram fogo independente da ocorrência. Após o fato acontecido e a lavratura do auto de infração, o autuado tem 20 dias para apresentar a defesa para análise da Secretaria ou apresentação de projeto para reparação dos danos ambientais. Inicialmente já foram emitidas mais de R$ 100.000,00 (cem mil reais) de multas nos autos, que ainda podem ser revertidas em serviços de compensação e/ou regularização ambiental. Esse recurso fica depositado na conta do FUNDEMA que somente é liberado através de serviços direcionados ao Meio Ambiente.