(66) 9.8400-1712

Liberada passagem de carros na BR-163 em Itaúba e DNIT inicia recuperação

Só Noticias 14 Mar 2018 às 14:44

A BR-163 em Itaúba voltou a ser interditada, no inicio da tarde, em Itaúba e as equipes do DNIT estão reconstruindo o bueiro, fazendo novo aterro para ser normalizado o tráfego no trecho onde parte do asfalto caiu devido às fortes chuvas. Hoje, por cerca de três horas, após inspeção de engenheiros, havia sido liberada meia pista para carros e motos. Caminhões e carretas não.

Agora, veículos estão passando por uma estrada vicinal, que dá acesso a chácaras, e é possível desviar do trecho danificado da 163 e seguir viagem sentido a Sinop e a Itaúba e demais cidades. Mas caminhões e carretas não passam e a polícia está controlando o tráfego para evitar que usem a estrada e causem atoleiro. A alternativa, também para ônibus, continua sendo a rodovia estadual Marcelândia-Claudia e 163 em Sinop que aumenta o trajeto em mais de 70km. 

No final da manhã, o engenheiro Gustavo Boerger, do DNIT, previu que possivelmente ainda hoje carretas e caminhões possam voltar a trafegar neste trecho da 163. Mas a assessoria informou, esta tarde, que o trabalho deve ser concluído amanhã. Equipes do Departamento Nacional de Infraestrutura já transportaram pedras, tubulação e cascalho para reconstruir o bueiro que não suportou drenar toda a água das fortes chuvas "derrubando" o barranco e parte da rodovia. Parou de chover em Itaúba.

"Vamos refazer o aterro utilizando pedras. Em torno de 15 caminhões carregados com pedras estão vindo pra gente resolver esse problema, "disse Gustavo, a Tv Cidade.

O tráfego havia sido interrompido totalmente, ontem à noite, pela Polícia Rodoviária Federal, para evitar acidentes. Carros e caminhonetes utilizaram uma estrada vicinal em Itaúba como 'desvio' mas caminhões foram passar, atolaram impedindo que outros passassem. 

A rodovia tem grande movimento de carretas e caminhões que também transportam grãos para portos no Pará.